sábado, 1 de novembro de 2014

A Probabilidade Estatística do Amor À Primeira Vista

 A Probabilidade Estatística do Amor À Primeira Vista                                                                         Jennifer E. Smith 

"Com uma certa atmosfera de Um dia, mas voltado para o público jovem adulto, A probabilidade estatística do amor à primeira vista é uma história romântica, capaz de conquistar fãs de todas as idades. Quem imaginaria que quatro minutos poderiam mudar a vida de alguém? Mas é exatamente o que acontece com Hadley. Presa no aeroporto em Nova York, esperando outro voo depois de perder o seu, ela conhece Oliver. Um britânico fofo, que se senta a seu lado na viagem para Londres. Enquanto conversam sobre tudo, eles provam que o tempo é, sim, muito, muito relativo. Passada em apenas 24 horas, a história de Oliver e Hadley mostra que o amor, diferentemente das bagagens, jamais se extravia.''
                                                                                                                                                                                                                                                               Fonte: Skoob


                                                          @Ellen_Gasai
O livro conta a história da Heather e do Oliver, a Heather vai para o casamento do pai dela com uma outra mulher, ela não quer viajar para Londres mas a mãe acaba insistindo, e ela vai. Ela chega no aeroporto e acaba atrasando  4 minutos e o avião parte sem ela, ela é obrigada a pegar o próximo voo pra poder viajar.Quem está no próximo voo é o Oliver. O livro é bem tocante, pela relação difícil da Heather e do pai dela, a forma que ela está reagindo com a separação dos pais, como está reagindo com esse ''novo'' casamento. A autora conseguiu surpreender ainda mais no final com a história do Oliver, que foi uma coisa totalmente oposta ao que parecia ser.
Esse livro não é do tipo que vai te tocar ou te fazer chorar(ou sim), é um livro fofinho, algo que gostaríamos de ter na vida real, cheia de trocadilhos, e de uma maneira que você fala a pessoa já entende na hora o que é, e te  da uma resposta a altura, é bem do jeitinho que parece que nunca vai acontecer na vida. ><



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário! :)