domingo, 15 de junho de 2014

TFIOS/ACEDE

A Culpa é das estrelas, será ?

#EllenCastro
TFIOS é o quarto romance de John Green, publicado em janeiro de 2012.
A história é narrada por uma paciente com câncer de 16 anos de idade, chamada Hazel Grace, que é forçada por seus pais a participar de um grupo de apoio, onde posteriormente se encontra e se apaixona por Augustus Waters, de 17 anos, ex-basquetebolista amputado. Conheci este livro através de uma página no facebook, na época o livro estava começando a ganhar sucesso, posteriormente, uns 4 dias depois eu acabei ganhando o livro da minha mãe no qual eu me apaixonei.
Como comprei o livro bem no começo, ainda não tinha spoilers sobre ele e nem nada, só sabia o que estava contido na contra capa do livro.
" Não sou formada em matemática, mas sei de uma coisa: existe uma quantidade infinita de números entre 0 e 1. Tem o 0,1 e o 0,12 e o 0,112 e uma infinidade de outros. Obviamente, existe um conjunto ainda maior entre o 0 e o 2, ou entre o 0 e o 1 milhão. Alguns infinitos são maiores que outros. Um escritor de quem costumávamos gostar nos ensinou isso. Há dias, muitos deles, em que fico zangada com o tamanho do meu conjunto ilimitado. Queria mais números do que provavelmente vou ter.''
Metade do livro li em um dia, logo depois que soube da morte do Gus eu parei de ler, acho que todos que leram o livro e que não sabiam de sua morte esperavam que a Hazel morresse e não ele. Foi realmente um choque para mim, muitos vão dizer ou pensar, nossa que exagero, mas eu realmente entrei na história de uma maneira em que acabei me colocando no lugar da personagem principal, chorei e chorei muito, uma semana depois eu terminei o livro e chorei um pouquinho mais, o que eu realmente achei foi que John Green soube escrever de uma maneira simplificada como é ser adolescente e ter câncer. 


Sobre o filme:
#EllenCastro
Assisti ao filme no dia 05/junho data de estreia, no exato momento em que o filme começou eu comecei a chorar, foi realmente incrível ver tudo aquilo que eu imaginei sendo "transformado em realidade'', sim ouve alguns desvios de que estavam escritos no livro e que não colocaram no filme, a amiga da Hazel, e os olhos azuis do Gus por exemplo, mas isso não tirou todo o espetáculo que esperei por tanto tempo.
Outros filmes que emocionam e retratam o câncer...

Now is good
 Uma Prova de Amor





Um comentário:

  1. Linda essa história.
    Realmente dá vontade de chorar

    Adorei seu blog

    Beijo
    byalineoliveira.com

    ResponderExcluir

Deixe seu comentário! :)